11/01/08

M.I.A.


M.I.A. não é o nome de uma agência de espionagem. Não é alta cultura (literatura, música clássica, Pina Baush e afins) nem baixa. Digamos que entre alta e baixa cultura, temos M.I.A. Não é pop xunga, mas tem batidas que fazem lembrar os maiores êxitos da música turca; não é europop, mas por vezes ameaça com uns violinos que se aproximam da melhor música festivaleira; e também não é uma banda-sonora de Bollywood, apesar do tom da pele e dos arranjos de gosto duvidoso que enfeitam as batidas grime de influência urbana londrina. M.I.A. aprimorou-se numa coisa: a escolha da roupagem, do guarda-roupa. Quem conhece o vídeo de Galang, do primeiro álbum, sabe do que falo (também notável pelo reportório completo de maneiras esquisitas de dançar que a cantora exibe). A linguagem caleidoscópica dos fatos de treino comunica com o telespectador de maneiras nunca antes vistas. Imagine-se a mistura de cores dos saris indianos (ou do Sri lanka, de onde ela é originária) com o corte da moda de rua inglesa. E agora transporte-se isto para a música que M.I.A. produz. Não encontro melhor analogia.
Paper Planes é o mais recente single do último álbum, Kala, um dos melhores do ano passado, e para além do sample sacado aos Clash, tem a curiosidade de mostrar dois respeitáveis músicos de uma menos que respeitável banda a serem servidos por M.I.A. Quem são? - respostas na caixa de comentários. Para além disso, o vídeo tem outra curiosidade menos agradável: o som de tiros que se ouve no refrão foi cortado na versão que passa nas televisões americanas. Land of the free? Sri Lanka.

[Sérgio Lavos]

4 comentários:

pedro vieira disse...

foda-se, um cameo de dois beastie boys. MIA, estás lá. e a base sonora straight to hell e do mais apropriado que há para a canção.

Sérgio Lavos disse...

já estava à espera que fosse o irmão lúcia a ganhar o prémio. e a combinação tiros/straight to hell é sem dúvida excelente. está mais que lá.

luís disse...

Um pequeníssimo reparo. O primeiro single de Kala foi a Boyz, o segundo Jimmy. Paper Planes foi o terceiro single.
Não sei se já ouviste a música original da qual a Jimmy é uma espécie de cover. É de um filme indiano, de 83, Disco Dancer. O clip está em http://www.youtube.com/watch?v=zLPbrSjiJI8 e é muito bom.

Sérgio Lavos disse...

luis:
obrigado pela correcção. agora, sim, posso dizer que atingi um estado de felicidade perfeita. já vi o vídeo no irmão lúcia e é de estalo. excelente dica.